Data: 01/03/2015 13:03:42 - Visualizações: 1385 Imprimir

MUNDO. Mais de 70 mil marcham em Moscou após assassinato de líder da oposição

'Estimamos que mais de 70 mil pessoas vieram', disse organizador.Para polícia da capital russa, havia pouco mais de 16 mil manifestantes.

Foto da notícia

Mais de 70 mil pessoas participaram neste domingo (1º) da marcha organizada em Moscou em homenagem ao opositor Boris Nemtsov, assassinado na sexta-feira perto do Kremlin.

 

"Estimamos que mais de 70 mil pessoas vieram", declarou à AFP Alexandre Rikline, um dos organizadores da marcha autorizada pelo governo. A polícia disse que havia pouco mais de 16 mil manifestantes.

 

Boris Nemtsov passeava com uma jovem pela Grande Ponte de Pedra, que fica perto do Kremlin, quando atiraram quatro vezes nas suas costas, causando sua morte.

 

A oposição atribuiu o assassinato de Nemtsov à intolerância em relação à dissidência que reina no país.

 

"As autoridades criaram um clima de ódio, inimizade e perseguição ao tachar de traidores a oposição. Tudo isto não podia acabar de outra maneira", disse o ex-deputado russo Gennady Gudkov.

 

O presidente russo, Vladimir Putin, prometeu à mãe de Nemtsov que "fará tudo para que organizadores e autores materiais deste assassinato recebam seu merecido castigo".

 

Investigação

 

Segundo os investigadores, o assassinato do opositor russo Boris Nemtsov foi planejado detalhadamente, atentando para a arma utilizada e o conhecimento que os autores tinham dos movimentos de sua vítima.

 

"Não há dúvidas de que o crime foi meticulosamente planejado, assim como o local escolhido para o assassinato", a Grande Ponte de Pedra, ao lado do Kremlin, indicou o Comitê de Investigação.

 

Tudo leva a crer que "a arma utilizada é uma pistola Makarov", uma arma curta utilizada pelas forças de polícia e pelo exército russo e, portanto, de uso generalizado, acrescenta o comunicado.

 

De acordo com a agência russa de notícias RIA Novosti, a polícia informou que várias pessoas testemunharam o assassinato.


Fonte: G1 Foto: G1

Veja Também

PORTAL MOURANET 2015 - Todos os direitos reservados