Data: 06/04/2015 07:35:30 - Visualizações: 1369 Imprimir

GOIANO. Trindade bate Atlético e elimina atual campeão do Goiano

O sonho do Atlético Goianiense do bicampeonato acabou de vez. O time foi até Trindade enfrentar o time da casa com a missão de vencer para seguir vivo rumo à classificação no campeonato. Qualquer outro resultado eliminaria o Dragão e, em um jogo bastante disputado, o time acabou vacilando no fim e perdendo por 1 a 0 para o Trindade, que fez um ótimo jogo. Resultado bom para os donos da casa, que precisam apenas de um empate na última rodada para ir à semifinal.

Foto da notícia

O Atlético Goianiense sabia que precisava tomar as ações da partida e ir em busca logo do gol, por isso começou a partida tentando impor seu modo de jogar e mantinha a posse de bola, rodando em passes ágeis para tentar envolver a marcação do Trindade. O time da casa adotava uma postura mais tranquila, deixava o adversário jogar e ficava atento à marcação.

As primeiras chances saíram para o Dragão, ambos do lado esquerdo. A primeira Sidcley em cobrança de falta ensaiada levantou com perigo na boca do gol, o goleiro Weverton saiu esperto e socou a bola para tirar. Tempo depois, Rafinha fez boa jogada individual e cruzou na pequena área. Maurídes chegava para cabecear e a zaga se antecipou para fazer o corte providencial.

A primeira oportunidade do Tacão só saiu aos 17 minutos, de fora da área. O meia Willian arriscou de longe, a o chute saiu forte mas passou próximo ao ângulo direito de Márcio e acabou indo para fora. Mas foi só e o Atlético mantinha a pressão. Aos 29, a melhor chance que Pedro Bambu perdeu de maneira inacreditável:

O volante recebeu sozinho na pequena área e sem goleiro, mandou por cima do travessão! Não havia ninguém entre ele e a linha do gol e Bambu chutou para fora um gol já feito. Após o lance, nenhuma grande chance, o jogo ficou duro e disputado no meio campo. Com o equilíbrio, a partida ficou no 0 a 0 durante a primeira etapa.

2°Tempo

Ao contrário da primeira etapa, o Trindade voltou para o segundo tempo melhor na partida e pressionando o Atlético. Na primeira chegada, quase o gol inaugural, Mateus Paraná foi lançado e saiu cara a cara com Márcio. Na entrada da pequena área o goleiro do Dragão foi muito bem, abafou o chute e fez ótima defesa para evitar o gol do Tacão.

A pressão era enorme para cima dos rubro-negros e aos sete minutos Márcio fez um verdadeiro milagre para segurar o empate. Conrado subiu bem em cobrança de escanteio e obrigou Márcio a fazer uma linda defesa, de reflexo, na cabeçada do meia. Depois, um lance de apreensão: Sérgio Manoel subiu para cortar cobrança de escanteio e se chocou fortemente com o adversário. Ele caiu no gramado chorando muito, saiu de ambulância direto para o hospital, onde foi detectado um trauma na face.

No seu fim, a partida foi tomando contornos dramáticos para o Dragão. Sem a vitória, o time estava sendo eliminado do Campeonato Goiano e aos 35 o time ainda teve boa chance. Pedro Bambu sofreu falta na entrada da meia lua, Márcio foi para cobrança e Weverton fez grande defesa para segurar o 0 a 0. Foi a última chegada do Dragão, que ainda bobeou no minuto final e viu Conrado recuperar bola, driblar Márcio e fechar o caixão rubro-negro e decratar a vitória do Tacão. 1x0 no fim.  

 

FICHA TÉCNICA

TRINDADE 1X0 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Abrão Manoel da Costa, em Trindade (GO) 
Data: 05/04/2015 
Horário: 16h 
Árbitro: Wilton Sampaio 
Auxiliares: Fabrício Vilarinho e Márcio Soares

Gol: Conrado 48' 2°T (1-0)
Cartões amarelos: Mateus Paraná (Trindade); Arthur (Atlético)

TRINDADE: Weverton; Joninha, Da Silva, Wellignton e Mário Sérgio; Bruno Sabino, William, Zé Uilton (Watthimen) e Conrado; Robertinho (Vitor Rossini) e Mateus Paraná (Gênesis). 
Técnico: Sílvio Criciúma

ATLÉTICO-GO: Márcio; Murilo, Marcus Winicius (Mateus Alonso) Rafael e Sidcley; Recife, Sérgio Manoel (Zezinho), Pedro Bambu e Thiago Primão; Rafinha e Maurides (Juninho). 
Técnico: Marcelo Martelotte

Fonte: Portal 730 Foto: Vitor Alves/Portal730

Veja Também

PORTAL MOURANET 2015 - Todos os direitos reservados