Data: 03/05/2017 09:10:40 - Visualizações: 84 Imprimir

ESTADO. Governo do Estado envia projetos à AL para realocar mais de R$ 17 mi do orçamento

O Governo propõe ainda a realocação de mais R$ 1.500.000,00 à Procuradoria-Geral do Estado com vistas a viabilizar a realização de concurso público para o cargo de procurador

Foto da notícia

Três projetos de lei de autoria do Governo do Estado sobre realocação de recursos previstos na Lei Orçamentária Anual (LOA) foram enviados às comissões da Assembleia Legislativa nesta terça-feira, 2.

 

Enviada para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), a proposta de valores mais expressivos trata da transposição de R$ 13.789.332,00 nos recursos do próprio Executivo. A soma provém de ações de igual valor anuladas em cada pasta ou fundo. São R$ 6.106.411,00 realocados ao Fundo Estadual de Recursos Naturais; R$ 4.554.359,00 à Procuradoria-Geral do Estado; R$ 1.600.000,00 ao Fundo Estadual sobre Drogas; e R$ 679.736,00 para a Secretaria de Governo.

 

Também estão na proposta o Fundo Estadual de Assistência Social, com realocação de R$ 489.534,00; a Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária, com R$ 211.132,00; a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, com R$ 108.660,00; e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura, com R$ 39.500,00.

 

Enviado à Comissão de Finanças, Tributação, Fiscalização e Controle, outro projeto altera a LOA de 2017 a fim de realocar R$ 2.355,00 oriundos, segundo o Governo, do saldo positivo do Fundo de Modernização e Aprimoramento do Poder Judiciário (Funjuris). Do montante, R$ 1.000.000,00 seguem para a ação Promoção das Práticas de Resolução de Conflitos, e R$ 1.355.000,00 se destinam à ação Promoção da Efetividade da Prestação Jurisdicional.

 

O Governo propõe ainda a realocação de mais R$ 1.500.000,00 à Procuradoria-Geral do Estado com vistas a viabilizar a realização de concurso público para o cargo de procurador, também com recursos oriundos de ações de igual valor anuladas no órgão.

 

Por fim, tramita na CCJ projeto que cria o Fundo Estadual de Alocação de Recursos de Emendas Parlamentares, vinculado à Secretaria da Fazenda.

Fonte: T1 Foto: Web

Veja Também

PORTAL MOURANET 2015 - Todos os direitos reservados