Data: 03/07/2017 09:06:46 - Visualizações: 1588 Imprimir

TOCANTINÓPOLIS. Mais de 300 alunos já foram orientados sobre o “Uso indevido de mochilas escolares”

É perceptível que grande parte dos estudantes utilizam mochilas unilaterais ou carrega a bolsa abarrotada de livros sobre um ombro apenas, ou mesmo de modo a prejudicar desvios na coluna cervical. Pensando nesses agravos, a Secretaria Municipal de Saúde, por intermédio do Núcleo de Apoio da Saúde da Família de Tocantinópolis, promoveu mais um ciclo de orientações quanto ao “Uso indevido das mochilas escolares”.

Foto da notícia

Nessa segunda etapa, estudantes do Colégio Dom Orione e da Escola Estadual Professora Aldenora Alves Correia receberam as orientações da sioterapeuta Karina Ribas, a qual ressalta que as mochilas tenham peso equivalente a 5% do peso dos alunos e que entre os adolescentes esse valor chegue a 10%.

Karina destaca que mais de 300 alunos já foram orientados, no entanto, ainda há muito o que ser feito. “Estamos trabalhando na prevenção do mal uso das mochilas escolares, para evitarmos alterações posturais em nossas crianças. Ainda há muito trabalho, pois a meta a ser alcançada é de orientar quase 2 mil estudantes de Tocantinópolis”, enfatizou.

Além das orientações quanto as mochilas, o projeto tem conscientizado sobre a postura corporal dos educandos. O projeto “Uso indevido de mochilas escolares” deve ser retomado no próximo semestre, visto que o período de férias foi iniciado nas unidades de ensino.

“Percebemos que existe uma carência de orientações em vários aspectos relacionados à postura. Tanto a forma correta de carregar as mochilas, como a postura ao sentar, a forma de equilibrar o peso nas duas pernas quando está de pé e até mesmo a melhor maneira para usa o celular”, destacou Karina.

Fonte: Folha do Bico Foto: Web

Veja Também

PORTAL MOURANET 2015 - Todos os direitos reservados